Desde 1995 em prol do Ecoturismo e das Atividades ao Ar Livre no Brasil

Desenvolvido por PHOTOVERDE + Kaique Lupo

Viagens Ecológicas e Culturais é a primeira coleção com padrão internacional sobre pólos ecoturísticos brasileiros. Fruto de 25 meses de acurada pesquisa e árduo trabalho de campo, o volume Ilhabela representa o mais completo e preciso inventariado da oferta turística e das potencialidades deste arquipélago. 

© 2009 - 2019.  Viagens Ecológicas e Culturais - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do conteúdo deste site.

Popularmente chamada de Ilhabela, a Ilha de São Sebastião é a maior ilha do Arquipélago de Ilhabela.

Segunda ilha com o maior número de praias da costa brasileira, que juntas somam 15.957 metros de faixa de areia, a Ilha possui 73 praias: cerca de meia centena de praias principais e duas dúzias de charmosas prainhas pouco conhecidas (sem contar outras 13 micropraias sem valor turístico e praias de pedra como Galhetas e Furnas).

O visitante pode escolher entre points badalados com estrutura turística ou paraísos selvagens com águas transparentes e esverdeadas, praias pequenas ou com até 1.786 metros de extensão, calmas como uma piscina ou com boas ondas para Surf, com areias finas ou grossas, claras ou alaranjadas.

Algumas ainda abrigam manguezais, cachoeirinhas, poços de águas cristalinas ou pacatas vilas de pescadores.

As praias abrigadas do Canal de São Sebastião podem ser visitadas de carro ou ônibus (por asfalto) e as oceânicas de barco ou por trilha - com exceção das praias da Pacuíba e do Jabaquara, alcançadas com veículos comuns por estrada de terra, e dos Castelhanos, com veículos 4x4. Passeios de barco partem para as praias do Jabaquara, da Fome, do Eustáquio, do Bonete e dos Castelhanos.

A praia dos Castelhanos foi eleita uma das dez praias mais bonitas do Brasil, mas existem várias outras paradisíacas, como as do Bonete, da Indaiaúba, do Codó, da Figueira, do Gato, da Caveira, Riscada, do Poço, da Fome, do Jabaquara, etc.

 

O portal Viagens Ecológicas e Culturais é a única mídia que apresenta as 73 praias de Ilhabela, fruto de um projeto de pesquisa que durou mais de 30 meses. Aproveite e escolha a sua!

LIVRE ACESSO: Visando o melhor para moradores, visitantes e para o patrimônio natural local, é preciso deixar claro que “praias são bens públicos de uso comum do povo” (Lei nº 7.661/88). Ou seja, não existem “praias particulares” em Ilhabela, apenas Terrenos de Marinha da União concedidos para uso particular, distantes 33 metros das águas do mar, rios e lagoas (DL nº 9.760/46). Qualquer pessoa pode desembarcar por mar ou chegar por caminho público (incluindo cursos d’água) em qualquer praia de Ilhabela.

ABAIXO, TODAS AS PRAIAS DE ILHABELA:

| praias

praias da barra velha
praias do perequê (setor sul)
praia do perequê
praia do itaguassú
praia do itaquanduba
praia do engenho d'água
praia do saco da capela
praia da vila
praia de santa teresa
prainha do saco do indaiá
prainha de fora
praia dos barreiros
prainha do viana
praia do viana
praia da siriúba
praia do arrozal
praia da garapocaia
praia da ponta azeda
praia do pinto
praia da armação
Mostrar Mais

Uma das mais charmosas e aconchegantes praias do Canal de São Sebastião.

Com águas calmas e claras, um dia fez parte de sua vizinha "praia" do Viana. 

Tranquila e pouco visitada, sua orla apresenta um riacho e mais de cem coqueiros.

Apesar de bela e de visual selvagem, é uma das praias mais vistas, porém menos visitadas.

É uma das praias mais tranquilas do Canal de São Sebastião, bela e pequena.

Pacata e graciosa, também é conhecida como praia dos pescadores.

Cercada por coqueiros e belo casario colonial, é um local reservado para quem está na Vila.

Badalada no verão, possui 930 metros, mar claro e muitos coqueiros e amendoeiras. 

Uma das maiores praias de Ilhabela, com 988 metros de puro charme

Muito frequentada por moradores e veranistas, possui água calma como a sua faixa de areia.

Estende-se por 259 metros junto à casas de veraneio, parquinho e bons restaurantes.

Uma das mais agitadas, com calçadão, ciclovia, quadras, agências, hotéis e restaurantes.

Separadas e bem distintas da agitada praia do Perequê, localizada mais ao norte.

Porta de entrada do turismo em Ilhabela, a região da Barra Velha abriga quatro praias.

praia da pacuíba
praia do jabaquara
praia da fome
prainha da fome
praia do poço
praia da riscada
praia da serraria
praia da caveira
praia das guanxumas
praia do eustáquio
prainha da cabeçuda
praia do gato
praia dos castelhanos
praia mansa
prainha do gato
praia vermelha
praia da figueira
prainha das galhetas
prainha do codó
praia da indaiaúba
Mostrar Mais
praia das enchovas
praia do bonete
praia do veloso
praia do curral
porto do batango
praia grande
praia do julião
praia da feiticeira
praia do portinho
praia brava
praia do oscar
praia das pedras miúdas
prainhas
Mostrar Mais

Beleza e simplicidade em coqueiros, gramados e águas claras e calmas.

Bonita e sossegada, mantém-se isolada dos turistas escondida atrás de casas de veraneio.

Também chamada de praia da Pedra do Sino possui charmosa faixa de areia e água calma.

Com coqueiros, amendoeiras e casas de verão, é ideal para um banho de sol tranquilo.

Praia tranquila que se transforma no verão, reunindo gente bonita e animada.

Consagrado pico de Kitesurf, Windsurf e Vela, é um dos locais mais badalados de Ilhabela.

Pequena e com poucos visitantes, é uma das praias mais bonitas e tranquilas de Ilhabela.

Um dos paraísos do Arquipélago, com beleza selvagem que já foi capa de revistas.

Pequena, mas de beleza grandiosa, abrigada em uma enseada com mar verde e cristalino.

Pequena, mas mantém a mesma calma e beleza da sua vizinha praia da Fome.

De beleza única e charme selvagem, possui um convidativo poço de águas claras.

Conhecida apenas por alguns poucos caiçaras, é uma das mais lindas praias de Ilhabela.

Lugar de paz e simplicidade, em uma enseada que abriga uma reservada colônia caiçara.

Paraíso selvagem que felizmente permanece desabitado, graças a lendas e ao seu acesso.

Tomada por canoas, barcos e redes, pacata prainha que abriga uma comunidade caiçara.

Porto seguro de viajantes, suas águas claras recebem muitas turistas nos feriados. 

Bela e reservada, perfeita para descansar, é a irmã caçula da praia do Eustáquio.

Escondida atrás de grandes pedras, paraíso exótico para quem quer sossego e privacidade.

Paraíso de charme selvagem, considerada uma das praias mais belas do Brasil.

De alma tranquila, isolada do turismo e do agito da vizinha Castelhanos.

Prainha bucólica, desabitada e bem diferente da homônima praia do Gato.

Lar de uma reservada comunidade caiçara que vive de suas tradições há gerações.

Tranquila e praticamente imutável, faz parte do PEIb e abriga uma comunidade caiçara.

Difícil encontrar quem a conheça, pequeno tesouro escondido por séculos.

Minúscula, mas para os raros privilegiados que a conhecem é a pérola de Ilhabela.

Bela e charmosa, com areias claras, riachos, cachoeirinha, poço e águas claras e verdes.

Linda, selvagem e exótica, cercada pela mata e com bela faixa de areia coberta por seixos.

Turistas de vários países a elegeram a praia mais apaixonante de suas vidas.

Recanto com areias finas, riacho, coqueiros, amendoeiras, águas claras e calmas.

A praia mais badalada de Ilhabela, com bonita faixa de areia que "ferve" no verão.

Sua estreita faixa de areia se mantém como uma das praias menos conhecidas de Ilhabela.

Com águas claras e bela faixa de areia, é uma das praias mais estruturadas de Ilhabela.

Bela e tranquila, com areia fofa, amendoeiras, coqueiros, riacho e águas calmas e claras.

Sossegada, com águas claras, coqueiros, casas de veraneio e um condomínio.

Tranquila e pequena, simpática praia muito frequentada por moradores e veranistas.

Uma das praias mais tranquilas do Canal de São Sebastião, ideal para relaxar.

Pequena e sossegada, é boa para relaxar e para banho de sol e de mar.

O point dos mergulhadores, pequena praia com águas claras, verdes e calmas.

Conheça as outras 17 prainhas que fazem parte das 73 praias de Ilhabela.